www.falandodetrova.com.br/comoenviar     

Para remessas de trovas em concursos promovidos ou apoiados pela UBT=União Brasileira de Trovadores, a utilização padrão é a do:

                                                       "SISTEMA DE ENVELOPES"

     1) Datilografar ou digitar o tema e a trova na face externa de um pequeno envelope de cor branca, medindo aproximadamente 8 x 11 cm.

     2) Colocar dentro desse envelopinho uma papeleta com a identificação do autor da trova, seu endereço completo, telefone, email(quando tiver e assinatura. Em seguida, lacrar o pequeno envelope, para manter o sigilo exigido nos concursos.

     3) Colocar esse envelopinho dentro de outro maior e remeter para o endereço do concurso. Como remetente, colocar sempre "Luiz Otávio" (ou outro nome que o regulamento estipular) e repetir o endereço do destinatário.
 

     a) nos concursos em que se possa concorrer com mais de uma trova, todas elas poderão ser enviadas juntas, ou seja, cada qual em um pequeno envelope e todas dentro de um único envelope maior.

     b) as trovas a serem enviadas para os concursos deverão ser inéditas, ou seja, não poderão ser trovas já premiadas nem já publicadas.
     c) trovas enviadas para um concurso e não premiadas, nem divulgadas, poderão ser reaproveitadas em concursos posteriores.

     d) eventualmente algum concurso estipula, no Regulamento, que o remetente seja outro nome, e não "Luiz Otávio". Atentar para esse detalhe e seguir o que o regulamento solicita.

                                                                                                         OBSERVAÇÕES

     I: se não constar no regulamento específico, não é obrigatória a utilização da palavra-tema na trova (pode ser cognata, ou nem constar, desde que fique claro o sentido da mensagem, em relação ao tema exigido).

      II: A divulgação dos concursos em andamento e os resultados consta de Informativos e também de vários sites. O www.falandodetrova.com.br é um deles. 

      III: se eventualmente um concurso não utilizar o "Sistema de Envelopes", leia com atenção o regulamento do mesmo, para não correr o risco de ter seu trabalho desclassificado sumariamente.

       IV: a partir de 2015 os concursos nacionais de trovas líricas/filosóficas (apenas estes), por determinação da UBT Nacional, terão que dividir os concorrentes em "VETERANO" e "NOVO TROVADOR". Se você ainda não conseguiu três premiações a nível nacional, escreva abaixo da trova que enviar:  "NOVO TROVADOR". (Boletim da UBT Nacional, nove/2014, pág. 06)

          V: caso o concurso permita envio eletrônico (permitido pela UBT Nacional desde janeiro de 2016), ao enviar suas trovas para o "Fiel Depositário", não deixe de enviar também seus dados completos. Nesse caso, sim, o autor deverá identificar-se.

                                                                                                     RECOMENDAÇÕES

     I: Não inicie todos os versos com letra maiúscula, muito menos digite a trova toda só com maiúsculas, obedecendo sempre a todas as pontuações.    

     II: Evite enviar simultaneamente para mais de um concurso a mesma trova. 

     III: nunca deixe para enviar os trabalhos nos últimos dias. O Correio pode atrasar-se e a maioria dos concursos considera a data de chegada e não a de postagem. Que é outro detalhe a ser visto no regulamento.

     IV: se for premiado, avise em tempo hábil, após receber a competente notificação, se poderá ou não comparecer. Caso compareça, não se esqueça de entrar em contato depois e emitir o seu parecer sobre o evento. As Comissões Organizadoras necessitam muito desses cuidados aparentemente tão simples. Afinal, elas passam o ano todo trabalhando por você.

     No mais, concorra sempre. Boa sorte!